Páginas

domingo, 10 de outubro de 2010

Skins - Juventude à Flor da Pele






Skins - Juventude à Flor da Pele

O título brasileiro da série Skins, Juventude à Flor da Pele, não poderia ser mais preciso, pois trata da juventude sem a menor censura ou tabu, sendo esta a característica diferencial da série. A morte, a autoridade, a instituição familiar e suas disfunções, a sexualidade, drogas e o amor: Skins explora todos esses enfrentamentos que alguns jovens passam para chegar até a vida adulta, deixando de ser adolescentes para enxergar o mundo real e imperdoável.

A juventude de hoje, criada num mundo menos rígido que o de seus pais, vive em alta rotação, experimentando todas as emoções freneticamente, e a série ilustra isto de perto, chocando alguns e familiarizando-se com outros. E é por esta razão que a série faz sucesso entre jovens. De acordo com o co-produtor, Bryan Elsley, grande parte dessa verossimilhança é pelo fato de que a média da idade do grupo da redação é de 21 anos e estes redatores tiveram ou têm contato com essa realidade, alguns até completando, em paralelo à série, seu sixth college (então, entre 17 e 19 anos), os dois últimos anos do sistema de ensino britânico antes da universidade.
A série renova seu elenco a cada duas temporadas, uma vez que se passa durante o sixth college das personagens, e termina quando eles finalizam-no. A quarta temporada acabou em março (2010) junto com a segunda geração de personagens. A quinta temporada, junto com uma terceira geração, está prevista para 2011. Embora, a série foque em um personagem a cada episódio, os plots seguem junto, desde os principais até os menores.A MTV fará uma versão americana de Skins, o que gerou controvérsias.A MTV, porém, prometeu manter as cenas fortes, que era a preocupação dos criadores.

1ª Geração
1º Elenco de Skins
A primeira geração, diga-se de passagem, a menos “hardcore” e com melhores conflitos, traz oito personagens centrais: Tony Stonem, Sid Jenkins, Michelle Richardson, Cassie Ainsworth, Jal Fazer, Chris Miles, Anwar Kharral e Maxxie Oliver.
Fica claro desde o começo que Tony (Nicholas Hoult) é o líder do grupo. Tony, além de inteligente e popular, é manipulador, característica que move vários dos conflitos da primeira temporada. É o melhor amigo de Sid (Mike Bailey), sua antítese em todos os sentidos: Sid é socialmente inábil, inseguro e de baixo intelecto, se permitem ao autor este eufemismo fraco. Michelle (April Pearson), por quem Sid é apaixonado, é a namorada de Tony, aparentemente superficial, mas se mostra, ao longo da 1ª temporada, uma personagem de grande sensibilidade.
 Cassie (Hannah Murray) sofre de um distúrbio alimentar, causado principalmente pela confusão que é sua mente. Gosta muito de Sid. Sua personalidade junta as duas pontas: ao mesmo tempo que tem características da inocência infantil, apresenta também uma visão bem adulta do universo.É uma das personagens mais perturbadas e interessantes da série.Jal (Larissa Wilson) toca clarinete talentosamente, sonhando com a carreira musical, e é filha de um produtor musical e irmã de aspirantes a músicos.Chris(Joe Dempsie) é festeiro, excêntrico e tem uma queda pela sua professora de psicologia, Angie.Vive em uma família disfuncional, perdeu seu irmão mais velho quando era muito novo, foi abandonado por seu pai e sua mãe é ausente.

Anwar (Dev Patel) é um jovem muçulmano que segue o Islã de seu próprio jeito; Jeito conveniente em que tolera sexo, drogas, festas e álcool. Maxxie (Mitch Hewer) é um grande dançarino, melhor amigo de Anwar e é gay. Sua homossexualidade conflita com a natureza islâmica de Anwar, o que é um pouco controverso, haja vista a posição deste em relações a outras proibições do Corão. 

2ª Geração

2º Elenco de Skins
A segunda geração, como a primeira, apresenta personagens notáveis. Mas em vez de representar um grupo só, como sua antecessora, é dividida em núcleos de personagens. A notabilidade da segunda geração é que, mesmo tratando-se de jovens novamente, reflete um lado da juventude não explorado nas temporadas anteriores.
Traz nove personagens centrais: Effy Stonem, JJ Jones, Freddie McLair, James Cook, Pandora Moon, Thomas Tomone, Emily Fitch, Katie Fitch e Naomi Campbell (sim, esse é o nome dela).
Effy (Kaya Scodelario) é irmã de Tony, da primeira geração, e, como seu irmão, é manipuladora. Revela-se promíscua e experimentadora. Gosta de decifrar os outros e usar isto para sua vantagem. Effy forma uma espécie de “tetraedro amoroso” com JJ, Freddie e Cook. Os três são melhores amigos desde sempre, autodenominados Três Mosqueteiros. JJ (Ollie Barbieri) é brilhante, mas sofre da Síndrome de Asperger, o que o torna socialmente inábil. Para vencer essa barreira de comunicação, JJ faz truques de mágica. Freddie (Luke Pasqualino) detém a casa do quintal em que os Mosqueteiros se reúnem. É um skatista e se interessa por Effy desde primeiro momento que a vê. Cook (Jack O’Connell) é possivelmente o personagem mais interessante da 2ª geração.Impulsivo, age sem dar importância a qualquer conseqüência de suas ações.Gosta de festar loucamente e, geralmente, causa problemas fazendo isso.Tem um grande contraste com Freddie, que é mais responsável e reprime as ações de Cook.andora (Lisa Blackwell) é a melhor amiga de Effy, apesar de serem muito diferentes.
 Pandora desconhece o universo de drogas e sexo em que Effy vive, mas tenta explorá-lo. Thomas (Merveille Lukeba) é um imigrante do Congo. Percebe a disparidade das realidades e valores morais quando chega à Inglaterra. Emily (Kathryn Prescott) e Katie (Megan Prescott) são gêmeas, porém muito diferentes. Katie é muito mais popular que sua irmã e briga com Effy pela liderança do grupo. Emily é quieta e sempre ficou à sombra de sua irmã; está em época de descobertas, uma vez que troca um beijo com Naomi (Lily Loveless).Por coincidência ou brincadeira sua mãe meio hippie, Naomi tem o mesmo nome e sobrenome da modelo americana Naomi Campbell.Tem grande gosto pela política e entra em conflito com sua mãe desregrada.




Skins - Season 1 - Trailer. Watch more top selected videos about: Skins (TV series)


                 Com uma equipe de roteiristas diferenciada e atores amadores, Skins mostra tramas muito interessantes que levam os personagens a questionamentos e evoluções da juventude para a vida adulta.É uma ótima mistura entre drama e comédia, e conta com personagens bem construídos que evoluem naturalmente  de acordo com o formato da série.Criada pela dupla de pai e filho, Bryan Elsley e Jamie Brittain, Skins é simplesmente genial.

4 comentários:

  1. gente a sere parece ser boa mas seem sair doque teem em todas a seris comum pois nao algo diferente

    ResponderExcluir
  2. Melhor serie que ja vi,muito viciante,muito boa mesmo.

    ResponderExcluir